Sobre a Natitur

A Natitur foi fundada no dia 27.12.2013 e iniciou suas atividades em Serafina Corrêa no dia 03/02/2014. Após 14 anos atuando com a Navetur Viagens e Turismo, na cidade de Guaporé, retornamos a Serafina Corrêa, nossa casa. Guaporé foi gratificante e seremos eternamente gratos.

Nosso retorno foi um grande prazer, e a vida para nós só tem sentido quando se faz valer à pena. Nesse contexto, viajar é, segundo nossa convicção e experiência, uma das melhores formas de fazer a vida valer mais, ter sentido, tornar-se única e esplendorosa. Vendemos sonhos e isso faz com que nos impulsione a VIAJAR para adquirir conhecimento e assim ter tranqüilidade em repassar a nossos clientes.

Fazemos o possível e o impossível para oferecer produtos que possibilitarão mais do que apenas a experiência da viagem, mas fundamentalmente, conhecer a si mesmo, tornando possível descobrir-se e retornar para casa como uma nova pessoa.

Férias é uma palavra que está sempre no plural porque ninguém quer tirar uma só. É nisso que acreditamos. Novas vidas, novas experiências, novas sensações. O destino de sua viagem pode ser carimbado no passaporte, mas o que você traz na bagagem interior não tem preço. Uma fotografia pode registrar o lugar, mas o que sua mente registra é somente seu, para sempre.

MARCIA MAGON BONAN, natural de Serafina Corrêa, atuo como empresária do turismo desde 1998, quando comecei as atividades como Agente de Viagens, com meu sócio Geraldo A. Peccin (in memorian) aqui em Serafina Corrêa. No ano de 2000, nos transferimos para Guaporé até dezembro/2013. Quando da venda da Navetur Viagens, retornamos a Serafina Corrêa abrindo a NATÌTUR VIAGENS. Sempre fui responsável pela venda de pacotes turísticos Nacionais e Internacionais.
Montamos roteiros para Itália, onde acompanhei Grupo da UCS de Caxias do Sul, Prefeitos da AMESNE, Grupo de CTG, Grupo de danças, Grupo Trevisani Nel Mondo, de Porto Alegre e tantos outros Grupos de diferentes locais e idades. Com isso muitos dos países que conheci foi como acompanhante e outros em férias particulares.

SUZANA LUNARDI PECCIN (Suzi), natural de Sarandi, passei a adolescência na cidade de Flores da Cunha. Fui casada com Geraldo A. Peccin (in memorian) e tivemos uma filha Natália Lunardi Peccin (in memorian). Comecei como Agente de Viagens no ano de 2000 juntamente com a Marcia. Sempre fui resposável pela venda de passagens aéreas Nacionais e Internacionais, seguros viagens e o administrativo da agencia. E desde 3 de fevereiro de 2013 estamos em Serafina Corrêa com a Natìtur Viagens e Turismo, que é nossa paixão, pois amamos o que fizemos.

A experiência profissional da nossa equipe foi construída pela curiosidade e fascínio pelas diferentes belezas e culturas do mundo. Ao longo dos anos podemos testemunhar e indicar as melhores experiências que podem ser atingidas com uma viagem. Já vendemos cerca de 11 mil pacotes durante nossos 18 anos de turismo. Dentre os nossos principais destinos internacionais estão: Alemanha, Argentina (Bariloche e Patagônia), Áustria, Bélgica, Bolívia, Chile, Croácia, região da Escandinávia, conhecendo países como Dinamarca, Finlândia, Noruega e Suécia, Eslováquia, Eslovênia, Espanha (de Sul a Norte), França (Paris, Cannes, Mônaco e Nice), Grécia, Holanda, Hungria (Budapeste), Itália de Sul a Norte (desde a Sicília até San Marino), Luxemburgo, México (Cancun), Panamá, Paraguai, Peru (Machu Picchu e outros destinos), Polônia, Portugal de Sul a Norte, República Dominicana (Punta Cana), República Tcheca (Praga), Rússia (Moscou e São Petesburgo), Turquia, Uruguai (Montevideo e Punta Del Este).

Mas não há como conhecer o mundo, sem antes, conhecer o nosso lindo Brasil. A Suzi e a Marcia já visitaram diversos lugares incríveis do nosso país, entre eles: Aracaju, Bonito, Brasília, Caldas Novas, Chapada dos Veadeiros, Curitiba, Goiânia, Fortaleza, Foz do Iguaçu Ilhéus, João Pessoa, Maceio, diversos locais em Minas Gerais, Natal, Olinda, Porto de Galinhas, Porto Seguro, Recife, Rio de Janeiro, diversos locais no Rio Grande do Sul, Salvador, litoral de Santa Catarina, São Paulo, Vitória.

Nossa Agência está linda, e conta com uma equipe qualificada para receber amigos/clientes de toda região.

Dicas de Viagem

Na hora de escolher um destino para sua viagem, é sempre bom saber quais são os requisitos para uma viagem tranquila e sem imprevistos. Alguns países do Mercosul aceitam entrada de brasileiros exigindo apenas o documento de identidade (RG). Abaixo separamos algumas dicas para quem estiver interessado em viajar para fora do país.

Informações Úteis de serviços:
ANVISA
Portal Consular
Polícia Civil
Vistos
Polícia Federal
Receita Federal


Perguntas Frequentes

Quando preciso levar meu RG?
Alguns países do Mercosul como Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela, aceitam entrada de brasileiros exigindo apenas o documento de identidade (RG).


PASSAPORTE

O que é?
O Passaporte é o documento mais importante para quem vai viajar para o exterior. Emitido pela Polícia Federal, é utilizado para certificar a identidade do viajante perante autoridades estrangeiras.

Para que serve?
O documento permite ao cidadão brasileiro entrar e sair pelos portos, aeroportos e todas as vias de acesso internacional, de acordo com a legislação do País de destino. Para assegurar a identidade do portador, o Passaporte contém informações como nacionalidade, data de nascimento, assinatura, além da fotografia do titular.

Quais são os documentos necessários para emití-lo?
• Carteira de Identidade original e dentro da validade (menores de 12 anos podem apresentar a Certidão de Nascimento);
• CPF;
• Título de eleitor e comprovante da última votação (se houve dois turnos, levar ambos);
• Em caso de renovação, Passaporte brasileiro anterior (vencido ou perto de vencer);
• Documento que comprove quitação com o serviço militar obrigatório, para os requerentes do sexo masculino;
• Certificado de naturalização.

Informações importantes
• Passaportes requeridos que não são retirados no prazo de 90 dias serão cancelados;
• Outros documentos poderão ser solicitados, caso seja necessário;
• A fotografia facial, o registro biométrico e a assinatura são feitos diretamente na Polícia Federal;

Mais informações estão disponíveis no site da Polícia Federal.

Modelo de Passaporte comum brasileiro
Agora o novo modelo de passaporte tem validade de 10 anos, respeita diversas normas de padrão e segurança estabelecidos pelo Mercosul para evitar problemas com falsificações, como por exemplo a cor azul da capa e os dados biométricos, no entanto as anteriores ainda são ativas até a validade expirar.

Apesar do padrão azul, essa cor se dá aos passaportes comuns, usados por cidadãos civis para viagens casuais, porém existem outras cores para denominar categorias diferentes:
Verde: Passaporte utilizado por oficiais ou para dependentes de autoridades menores de 21 anos ou deficientes físicos. É feito pela pelo Ministério das Relações Exteriores;
Vermelho: Mesmo caso do passaporte verde, porém, direcionado para diplomatas;
Marrom: Chamado de “Laissez-Passer” (deixar passar em francês), para viajantes de países que o Brasil não tem relações diplomáticas, como cidadãos de Formosa (Taiwan ou República da China) e de Kosovo, pois considera-se esses países ou regiões sendo partes da República Popular da China e da Sérvia;
Amarelo: para estrangeiros legalizados no Brasil mas que necessitem deixar o país mas com intenção de retorno; para estrangeiros refugiados, sem nacionalidade ou asilados no Brasil;
Azul-celeste: Passaporte de emergência. Esse passaporte é oferecido para pessoas que, depois de passar por toda burocracia da documentação e ter passado nas exigências na entrevista, comprove que precisa de seu documento de viagem com urgência, como em casos de saúde, proteção de patrimônio e necessidade de trabalho, ou ainda catástrofes naturais, ajuda humanitária, conflitos armados e interesse da Administração Pública. Ou seja, tudo que acarrete graves consequências. A taxa desse passaporte é maior e sua validade é de apenas um ano, mas ele é entregue em até 24 horas independente de agendamento.


CARTEIRA INTERNACIONAL DE VACINAÇÃO

O Certificado Internacional de Vacinação ou Profilaxia (CIVP) é emitido, gratuitamente, pela Anvisa. Para tirar o seu, compareça a um dos centros de atendimento . Leve o certificado de vacinação que recebeu no posto de saúde e sua carteira de identidade. O número da identidade será incluso no CIVP.

Atualmente, a única vacina internacionalmente exigida para entrar em alguns países é contra a Febre Amarela. Não são poucos os países que exigem esse certificado de brasileiros, principalmente na Ásia, África e América do Sul. Para conferir se os lugares que você pretende visitar têm alguma exigência sanitária, basta entrar no site da Anvisa. Essa ferramenta é constantemente atualizada e também informa sobre outras questões, como cuidados específicos que você possa precisar além do CIVP. Não é exigida a vacinação contra a Febre Amarela para entrada no Brasil, apesar de a vacinação ser recomendada para todo mundo que vai viajar pelo país.


VISTOS DE VIAGEM

Muitos países exigem o Visto para a entrada em seu território. Para outros, este documento não é necessário. O Visto é um documento emitido por um país dando à pessoa a permissão por certo período de tempo e para certas finalidades, lembrando que você pode solicitar esse importante documento com o auxílio de alguma agência.

Países que exigem Visto de brasileiros (por continentes)
América do Norte: Canadá e Estados Unidos exigem o Visto.
América Central: Antígua e Barbuda, Belize, Cuba, Dominica, El Salvador, Granada, Haiti, Jamaica, Nicarágua, República Dominicana, Santa Lúcia, São Cristóvão e Nevis e São Vicente e Granadinas exigem o Visto.
Já Bahamas, Barbados, Costa Rica, Guatemala, Honduras, Panamá e Trinidad e Tobago dispensam de Visto, por até 90 dias.
América do Sul: Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Equador, Guiana, Paraguai, Peru, Suriname, Uruguai e Venezuela dispensam de Visto, variando o período de 60 a 90 dias (de acordo com cada país) e o ingresso é permitido com cédula de identidade civil.
Europa: Muitos dos países da Europa não exigem Visto para permanecer por até 90 dias, com exceção dos seguintes: Armênia, Azerbaijão, Belarus, Bósnia, Chipre, Estônia, Geórgia, Letônia, Lituânia, Macedônia, Malta, Moldávia, Romênia, Sérvia e Montenegro e Ucrânia.
África: Já na África, a maioria dos países exige o Visto, com exceção da África do Sul, Namíbia, Tunísia, Marrocos.
Ásia: Na Ásia, a maioria também exige o Visto, com exceção da Coréia do Sul, Filipinas, Hong Kong, Israel, Malásia, Macau, Tailândia, Turquia.
Oceania: Todos os países exigem o Visto, com exceção da Nova Zelândia, que o dispensa para permanência de até 90 dias.

Os demais países não exigem visto para o prazo de 60 a 90 dias, conforme a sua legislação (esta lista muda constantemente).

TIRE SUAS DÚVIDAS

Nos envie sua mensagem e deixe que nossa equipe de atendentes encontre as melhores acomodações para você chegar ao seu destino com conforto e segurança.